Curta paraibano “Praça de Guerra” concorre ao Grande Prêmio do Cinema Brasileiro

Depois ser premiado em praticamente todos os festivais que participou, o filme ganha mais projeção ao ser pré-selecionado entre os curtas que concorrem à premiação

Praça de Guerra - foto fogueira

O filme paraibano Praça de Guerra, de Edmilson Junior, está entre os indicados ao Grande Prêmio do Cinema Brasileiro, considerado nos últimos anos a maior e mais importante premiação de audiovisual do Brasil. O curta concorre na categoria de melhor documentário junto com outros 10 filmes e entre os 29 pré-selecionados de todas as categorias (animação, ficção e documentário) e é único filme da Paraíba presente na seleção.

A produção conta a história de resistência de cinco amigos ao regime militar, em 1969, na cidade de Catolé do Rocha (distante 417 km da capital, João Pessoa), localizada no Alto Sertão da Paraíba. Juntos, eles criaram um foco de guerrilha inspirados nos ideais da Revolução Cubana para derrubar a ditadura. Passados mais de 40 anos, esses velhos amigos se reencontram para contar essa história.

A temática histórica junto da irreverência para contar um caso real de rebeldia contra a ditadura e de perseguição política, conquistou a plateia e o juri de diversos festivais de cinema Brasil afora. Desde seu lançamento, em dezembro de 2015, Praça de Guerra esteve até agora em seis festivais de cinema e saiu premiado em cinco deles, sempre também com ótima aceitação do público, destaque para os prêmios no 10º Fest Aruanda e no festival É Tudo Verdade.

Para assistir ao filme, clique AQUI. Aí estão, disponíveis online, todos os curtas-metragens que concorrem ao Grande Prêmio do Cinema Brasileiro.

O diretor de Praça de Guerra, Edmilson Junior, se disse extremamente feliz e entusiasmado com mais  esse reconhecimento alcançado pelo filme. “Saber da indicação do Praça de Guerra para a primeira fase do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro me deixa bastante contente, o filme vem tendo uma recepção bem bacana por onde tem passado e isso reflete tanto a relevância histórica e política do tema que o curta aborda quanto o trabalho primoroso feito pela equipe”, comemorou.

A lista definitiva deverá ser divulgada em breve, segundo a Acadêmia Brasileira de Cinema, com cinco filmes selecionados para cada categoria. O Grande Prêmio do Cinema Brasileiro acontecerá no dia 04 e outubro, no Rio de Janeiro (RJ) e terá transmissão ao vivo pelo Canal Brasil.

Deixe um Comentário