Cinema é uma composição ampla e singular de imagens, sons, textos, músicas, performances cênicas, é o gênero artístico que congrega mais linguagens numa estética, sendo considerado a 7ª Arte. É vida em movimento captada pelos planos e enquadramentos postos na tela. Nesse espaço cabe um mundo, um universo próprio que reproduz elementos do mundo real mas com cadência e dinâmica próprias.

“É curioso como as cores do mundo real parecem muito mais reais quando vistas no cinema”, afirma uma das personagens do clássico ‘Laranja Mecânica’, de Stanley Kubrick. De fato: o cinema transforma, amplia, sublima e traz novo significado as imagens projetadas na tela, transborda aos olhos e aos sentidos. Uma arte sensível onde o realizador, uma espécie de “deus’, ao mesmo tempo que cria, é sentido, captado, percebido, digerido, através dos contornos e estímulos que dialogam com o repertório emocional do espectador como se fosse algo real. E será que não é?

É nessa perspectiva que o Janela7 nasce: como um espaço amplo, democrático e aberto para o cinema em suas variadas matizes, sejam elas culturais, políticas, territoriais, étnicas, de gênero e de nicho, e também de temáticas e de abordagens múltiplas.

O Janela7 foi concebido, assim como o cinema, para ser sentido, absorvido, refletido. Sejam bem-vindos! Esse é um espaço nosso, de janelas abertas para a participação e a colaboração de quem, assim como nós, ama a Sétima Arte e quer uma plataforma para apreciar, desfrutar, sugerir e compartilhar conteúdo.

Este espaço foi feito e pensado para você. A casa é sua. A janela mágica para o mundo do cinema esta aberta. As luzes estão prontas, os projetores posicionados, os sons já tomam conta do ambiente. Se acomode confortavelmente. Boa sessão!


Apresentação

O Janela7 nasce como uma plataforma ampla, diversificada, democrática e completamente aberta para o cinema em suas diversas manifestações. Aqui, teremos espaço para as várias estéticas, gêneros cinematográficos, propostas, linguagens, filosofias e posicionamentos. É um lugar de encontros, interações, de maturação e de construção. A 7ª  Arte é o elemento de ligação entre toda essa multiplicidade de perfis, ideias e origens. O Cinema une e transcende as diferenças, é pessoal e coletivo, local e global, único e diverso ao mesmo tempo. O Janela7 é um canal aberto para esse universo.

No Janela7 teremos matérias especiais, entrevistas, perfis, críticas e resenhas, textos de opinião, manifestos e conteúdos em geral relacionados ao cinema. É uma janela que se abre para o campo imenso de possibilidades que a 7ª Arte contempla. Uma janela para o fantástico, para o absurdo, para o realismo, para a irreverência, o riso, o nonsense, o Pop, o Cult, o alternativo, a emoção derramada, a reflexão, a catarse, as percepções e sentimentos que envolvem, irradiam e transcendem. É amplamente aberto a colaboração e a troca de ideias.

Em nossas seções e editorias temos um destaque especial para a cena audiovisual no Brasil e na Paraíba, sem deixar de lado as demais matrizes de produção cinematográfica mundial através da Cine Brasil, a Cine Paraíba e a Cine Mundo. Na seção de Especiais temos as editorias Primeiro Plano, para textos e matérias especiais sobre temas, eventos, fatos e acontecimentos ligados à Sétima Arte, de Entrevistas, a Janela Indiscreta, com conteúdo sobre erotismo no cinema. Superclose é um espaço para perfis jornalísticos de pessoas do universo cinematográfico: atores, realizadores, roteiristas, produtores, diretores de arte, críticos, montadores, etc. Câmera Subjetiva um ambiente para publicação de textos autorais, analíticos e opinativos, em formato de crônicas, ensaios, críticas, resenhas, artigos, dentre outros.


Equipe

1Sandro Alves de França

Editor Geral

É graduado em Letras pela Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), jornalista em construção pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB), crítico de cinema, professor de literatura e produtor cultural independente. Amante das artes, cinéfilo compulsivo, ativista político e romântico inveterado. Humano, demasiadamente humano. Um eterno andarilho em busca de si mesmo e de um lugar no mundo.

2

Kalyne Almeida

Editora-adjunta

Nordestina, produtora, roteirista, professora e aprendiz que voltou a acreditar na humanidade através da fé: isso, talvez, a defina mais do que qualquer diploma ou títulos. Mestre em Literatura, graduou-se em Comunicação Social para provar pra si mesma que ia viver viajando pelo mundo fazendo cinema. Hoje, vive fazendo isso. Resolveu estar nesse site como pretexto para voltar a atuar como jornalista e escrever sobre o que mais gosta de fazer.

3Edson Lemos Akatoy

Webdeveloper

Estudante do curso de Cinema e Audiovisual da UFPB e nerd, com alguma experiência em tecnologia vide os anos de Ciência da Computação. Iniciante nos estudos da linguagem cinematográfica.